top of page

Erica Japonesa - Leptospermum scoparium

A Érica Japonesa é um arbusto semilenhoso, pertence à família Myrtaceae, nativa da Austrália e Nova Zelândia, perene, ereta, muito ramificada e de 1-3 metros de altura.

Folhas pequenas, lineares, aromáticas quando esmagadas e de cor cinzenta ao longo da ramagem. Inflorescências axilares, curtas, com numerosas flores pequenas. Surgem principalmente na primavera-verão.


Adornos de Jardim

Usada na decoração de jardins isolada ou em conjunto formando maciços; na forma de renques ao longo de muros e cercas; também se desenvolvem bem em vasos.

Devido à longevidade das flores, são ótimas para arranjos florais.


Indicada para jardins de pedra, jardins costeiros e jardins mediterrâneos. Clima: Subtropical, Oceânico, Mediterrâneo, Temperado. Não tolera o calor tropical, mas aprecia climas frios onde floresce com maior intensidade e em mais de uma época por ano. Cultivada a pleno sol ou meia sombra.


Em solo fértil, rico em matéria orgânica, enriquecido com farinha de osso e bem drenado.

As regas devem ser regulares, mantendo o solo levemente úmido.

Planta ereta de aspecto aberto, podendo ser mais compacto com podas leves e periódicas.


Fertilizar no fim do inverno usar adubo orgânico, enriquecido farinha de osso, incorporar de leve ao solo, mantendo uma distância de 30 cm do tronco. Na primavera-verão, usar adubo mineral NPK 4-14-8, seguindo a orientação do fabricante.


É cultivado na Nova Zelândia para o mel mānuka, por causa de suas propriedades antibacterianas, produzido quando as abelhas recolhem o néctar das flores.


Cuidados

Luminosidade: Sol pleno.


Rega: Irrigado periodicamente.


Clima ideal: Aprecia o frio, desenvolvendo-se e florescendo com mais abundância em climas amenos. Não tolera o calor tropical.


Podas: Sim, aceita podas.


Caraterística

Nomes Populares: Érica arbustiva – japonesa.


Nome Científico: Leptospermum scoparium.


Família: Myrtaceae.


Origem: Austrália, Nova Zelândia, Oceania.


Crescimento da planta: 3,0 m.


Quando da Flores? Primavera – Verão.


Folha: As folhas diminutas e aromáticas, de coloração verde-acinzentada, recobrem os ramos deste arbusto perene.


Flores: Suas pequenas flores podem ser simples ou dobradas, nas cores branca, vermelha ou rosa.



28 visualizações0 comentário

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
meuebookrrosa_do_deserto1.webp

Rosa do Deserto: o guia completo para um cultivo exuberante

Desvende os segredos dessa flor encantadora e aprenda a cultivá-la de forma eficaz e prática. Adquira agora o nosso ebook completo e transforme seu jardim!

Conheça nossos produtos

bottom of page