top of page

Dipladênia Trepadeira – Mandevilla splendens

Quem é nunca esteve passeando em alguma rua e viu um muro chamar a atenção por sua cobertura florida e colorida? Provavelmente, você pode já ter passado por essa situação enquanto observava a dipladênia, uma planta do tipo trepadeira com flores lindas e de fragrância suave.

A dipladênia é uma trepadeira semilenhosa e volúvel, conhecida internacionalmente por sua belíssima floração. Ela apresenta folhas perenes, coriáceas, elípticas a lanceoladas, com nervuras bem marcadas e de coloração verde-escura.


Adornos em Jardins

No inverno e no outono deve diminuir o fornecimento de água (1 vez por semana). Evite os encharcamentos. Um excesso de água pode ser fatal para a dipladenia. Se tem dúvidas, verifique a humidade do substrato antes de a regar.


O aroma expelido pelas flores é suave e delicado e, por ser uma trepadeira, ela é perfeita para decorar portões, muros ou paredes, desde que tenha um suporte para se agarrar. Ela é originária da América do Sul, gostando muito do clima tropical e temperaturas quentes.


A Dipladênia é originária da Brasil, como já havíamos comentado, e tem como um de seus nomes populares jasmim-brasileiro, pois o jasmim é uma planta também da categoria das trepadeiras, mas é originário da Ásia.


Cuidados

Luminosidade: Sol pleno, Meia sombra.


Rega: Necessita de regas regulares, mas sempre em solo/substrato bem drenável, pois não tolera encharcamentos.


Clima ideal: Equatorial, Oceânico, Tropical, Subtropical.


Podas: As podas são recomendadas durante o inverno.


Caraterística

Nomes Populares: Dipladênia, mandevila.


Nome Científico: Mandevilla spp.

Família: Apocynaceae.


Origem: América Norte, Central e Sul.


Crescimento da planta: Até 2 m.


Quando da Flores? Primavera-Verão.


Folha: As folhas são cartáceas, elípticas a lanceoladas, com nervuras bem marcadas, de coloração verde-escura (algumas espécies e/ou variedades tem a face inferior mais clara, como a Mandevilla x amabillis).


Flores: As inflorescências são racemos terminais, com flores grandes em forma de funil. O tamanho e coloração das flores variam de acordo com a espécie e/ou variedade, entre as mais comuns estão: roseas-avermehadas, amarelas, vermelhas, róseas e brancas. Há ainda variedades com flores dobradas.




141 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Conheça nossos produtos